Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

Conheça os medos mais comuns por idade

Vamos falar mais um pouquinho sobre o medo na infância?! Nesse post, vamos entender os medos por faixa etária. Se você não leu o meu post anterior sobre medo na infância, clica aqui.
 

BEBÊS DE ATÉ 1 ANO:

Nossos pequenos têm medo de se separar das pessoas que fazem parte do seu ciclo de convivência, ou seja, pais e pessoas conhecidas. Na hora de dormir, podem sentir medo, pois acham que vão acordar e não terá ninguém ao lado.

O medo de ruídos ou barulhos fortes também existem, além do medo da consulta com o pediatra. Muitas crianças associam a esse médico, tão importante em nossas vidas, às vacinas. Além disso, nem sempre o pediatra conseguiu estabelecer um vínculo de confiança com a criança e ele ainda é um “estranho”.

O que nós podemos fazer para ajudar: Evitar expor nossos pequenos a grandes estímulos que os façam sentir medo. Caso contrário, tentar fazer da maneira mais suave possível. E além disso, ter a presença dos pais ou de pessoas conhecidas quando for exposto a situações que podem desencadear essa emoção ou em caso de estar em ambientes novos.
 

DE 1 A 3 ANOS:

Nessa fase o medo do escuro e de dormir sozinho são bem comuns. Além do medo de pessoas fantasiadas, (máscaras ou fantasias), ainda prevalece o medo de se separar dos pais, e o medo de ruídos ou barulhos fortes, como trovões e tempestades.

O que nós podemos fazer para ajudar: Se ele se assusta com palhaços, por exemplo, aproxime-se e mostre que é apenas uma roupa diferente. Lembre de respeitar e ir se aproximando devagar. No momento de dormir, tente distrai-lo com algum brinquedo ou bichinho de pelúcia, se ele tiver um “companheirinho” na hora de dormir (veja o post sobre o que os bichos de pelúcia podem fazer pelo seu filho → ), se sentirá mais seguro. Passe segurança para seu pequeno, caso perceba que ele não entendeu a mensagem, não force. Eles tem o tempo dele de lidar com seus próprios medos.
 

DE 3 A 5 ANOS:

Nesse momento, a criança está mais fantasiosa, e então, surge o medo de monstros. Use o livro Tenho monstros na Barriga e o Tenho Mais Monstros na Barriga para desmistificar os monstros! ! Também tem medo de se perder, ou de ser levado por alguém e acabar ficando distante dos pais. Pode continuar a ter o medo do escuro e ruídos e barulhos muito altos. Um medo pode acabar gerando o outro, eles podem ter medo do escuro, pois é nele em que os monstros vivem.

O que nós podemos fazer para ajudar: Converse com seu filho, mostre o que é real e o que é fantasioso. Busque alternativas como histórias antes de dormir, ou quem sabe um abajur aceso para passar um pouco mais de segurança para ele. Uma alternativa também, é ensinar o nome completo e onde mora, para que tenha segurança de onde é sua casa.
 

DE 5 A 7 ANOS:

Os medos nessa faixa etária tendem a fazer mais sentido com a realidade. Eles percebem que existe a possibilidade da própria morte, e sabem que é algo irreversível. E o maior medo é que isso se concretize.Também surge o medo de errar , de ser abandonado ou de decepcionar algum ente querido. Como nessa fase já estão ingressados em algum “círculo social” ocorre o medo da rejeição social, que é não ser aceito pelos amiguinhos.

O que nós podemos fazer para ajudar: O diálogo nessa fase é essencial, dê apoio e acolha o medo dos seus pequenos. Se houver perguntas sobre a morte, tente falar de forma clara, porém, delicada. Não crie histórias absurdas e fantasiosas. Mostre também que todos somos diferentes, e que não é por isso que você será excluído. Também é importante mostrar que o erro faz parte da vida e que todos erram, inclusive os pais. Conte para ele alguns erros que você cometeu e o que aprendeu com eles.

Alguns medos são bem comuns por faixa etária. Faz parte do desenvolvimento da criança. Acompanhe o monstrinho do Medo do seu pequeno, e tente contornar as situações por meio do diálogo e conversa. Incentive-o a conversar e a ativar o Monstrinho da coragem nele 🙂

1 Comentário

  1. Olá Tonia e equipe! Quais são os medos mais comuns após os 7 anos? Meu filho está com quase 10 anos e sente medo de ir sozinho ao andar de cima ou de baixo da casa, à noite. Agora com o calor, ele evita que liguemos o ar condicionado para a pota do quarto continuar aberta. Grata att Simone

Deixe um comentário!

WordPress Image Lightbox Plugin