Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

Como a correria do dia a dia afeta o relacionamento familiar

Acorda, faz o café da manhã, responde os e-mails, organiza a lancheira das crianças, leva os filhos na escola, vai ao trabalho...são inúmeras as atividades durante o dia, e aí a gente se pergunta: como fica o relacionamento familiar no meio disso tudo?

Não há nada melhor do que estar perto de quem amamos. Ter um bom relacionamento familiar nos permite aproveitar esse sentimento tão único e profundo, que só mães, pais e filhos conseguem usufruir. 

Primeiramente, já imaginou que os laços construídos na infância podem ser as memórias que os seus filhos vão levar para o resto da vida? As atitudes de cada indivíduo refletem as influências dos aprendizados em casa, ou seja, na família. 

Sendo assim, é hora de colocar em prática as dicas valiosas que vamos te dar nesse post. 

Comunicação é a chave do relacionamento familiar 

Os pais são responsáveis por transmitir valores e conhecimentos aos pequenos. Desde cedo, o relacionamento familiar é muito importante para o crescimento da família como um todo. 

A partir do momento em que as pessoas (pais e filhos) se sentem amadas e compreendidas, é mais fácil expressar os sentimentos. O que podemos entender disso tudo? A comunicação é a peça-chave do relacionamento familiar. Ela promove um bom clima dentro do lar, sendo o diálogo um grande incentivador. 

Se o diálogo não existe, surge uma dificuldade dentro de casa. As crianças, por exemplo, passam a ser mais silenciosas, como consequência ocorre um distanciamento entre você e o seu pequeno. 

Aproveite os momentos, mesmo que sejam curtos 

Se a sua rotina é corrida, reflita: no pouco tempo em que você está com as crianças, como é a relação de vocês? É muito importante utilizar esse tempo de forma construtiva. 

É necessário se dedicar, mesmo que sejam nas tarefas rotineiras, como ouvir uma música animada durante o café da manhã, brincar por alguns minutos depois do jantar ou ler um livro fazendo mímicas com as crianças.

Aproveite os momentos e invista em um bom relacionamento familiar

Diferentes fases pedem diferentes ações. Pequenos e valiosos gestos são capazes de tornar aquelas horinhas que você passa com seu pequeno da melhor forma possível, momentos que ficarão marcados para um relacionamento familiar harmonioso e feliz. 

Um estresse no trabalho ou brigas conjugais não devem ser descontados nos seus filhos! Pequenas discussões cotidianas são parte da vida e têm um impacto nulo ou muito pequeno nas crianças. No entanto, o que realmente as afeta são comportamentos como gritos e demonstrações mútuas de raiva diante delas. 

4 passos para transformar sua vida a partir de hoje

Selecionamos quatro atitudes que vão te ajudar no relacionamento familiar. Pense nisso a partir de hoje! 

1. Respeite o espaço de cada um

O respeito é fundamental para as relações, principalmente dentro de casa. Sem ele, tudo torna-se invasivo. Procure agir com prudência!

2. Veja o lado positivo das coisas

Tente ver um lado bom das situações e de que forma sua família aprendeu com aquilo. 

3. Seja tolerante com os defeitos

Antes de apontar o dedo para alguém, pense antes de agir. Faça o exercício de compreender o outro.

4. Tenha disposição de recomeçar

A vida nos ensina que estamos em constante processo de aprendizagem! Isso envolve erros e acertos, no relacionamento familiar não é diferente. 

A importância das emoções dentro de casa

As crianças criadas em ambientes emocionalmente frágeis tendem a perpetuar esse comportamento, o que faz com que ele passe de geração em geração. 

De fato, é imprescindível saber lidar com as situações do dia a dia em um relacionamento familiar! Um curso que pode transformar a sua vida é o Emoções em Família, elaborado por Tonia Casarin. Se você quer aprender sobre as emoções e como trabalhar a inteligência emocional dentro de casa, inscreva-se! 

Nenhum comentário.

Deixe um comentário!

WordPress Image Lightbox Plugin