Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

6 livros de inteligência emocional que você precisa ler – Tonia Casarin

A inteligência emocional tornou-se famosa na década de 90 com o livro do Daniel Goleman “Inteligência Emocional”. Esse livro tratou basicamente de romper o mito da importância do QI em nossas vidas como fundamental para se ter sucesso na vida.

O foco dos estudos por muitos anos foi os adultos e o que diferencia um adulto de ter sucesso na vida de outro? Até que os esforços de estudos voltaram-se para as crianças e como desenvolver inteligência emocional e social nelas.

 

1 - O ambiente é tudo.

Primeiro, sabemos que a educação começa em casa. E o ambiente em que a criança vive é fundamental para ela se desenvolver. Portanto, busque ter um clima positivo em casa e evite stress e brigas na frente das crianças.

 

2 - Lembre que somos humanos

Além disso, busque acolher as emoções das crianças. É fundamental que as crianças sintam que estão em um ambiente seguro, em que são permitidas sentir e dividir seus sentimentos. Procure não julgar as emoções e sentimentos. Sentir é natural e humano.

af_cta_4turma_curso-inteligencia-emocional-para-pais-e-filhos_tonia-casarin_600x200px_v2

3 - Tudo tem um nome

Dar nome às emoções é outro passo fundamental para desenvolver o vocabulário da criança em relação aos seus sentimentos. Ajudar a nomear às emoções, dizendo, literalmente: “Você deve estar se sentindo frustrado” , por exemplo, ajuda o desenvolvimento do autoconhecimento.

 

4 - Estabeleça Diálogo

Divida com seus filhos os momentos que você sente também aquela emoção. Ou então, quando você ficava com medo quando tinha a idade dele ou dela. Esse diálogo, além de ajudar a criar um ambiente seguro em casa, estreita os laços de conexão entre vocês e ainda constrói a base para os próximos diálogos.

 

2 Comentários

  1. Muito interessante essa abordagem, tirei umas dicas valiosas. Gratidão
  2. Olá, talvez vc fale sobre esse assunto....mas como mãe fico preocupada com meu filho de 4 anos, ele sempre se mostra bravo, de cara fechada e as vezes até resmunga quando algué de fora fala com ele...isso pode ser timidez ou insegurança? Abraço, e fico aguardando o início do curso! obrigada, Daisy.

Deixe um comentário!

WordPress Image Lightbox Plugin