Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

Cadastre seu e-mail para fazer o download:

X FECHAR

Como lidar com o ciúme infantil dos filhos? – Tonia Casarin

O ciúmes geralmente acontece quando uma situação é interpretada pela criança como ameaçadora a um relacionamento que é valioso para ela. Por exemplo, quando um irmão mais novo nasce e a criança “perde” a atenção dos pais; ou quando, na escola, os melhores amigos passam a brincar com o aluno novo e não com ele.

Para manter o relacionamento ou diminuir o ciúmes, a criança entra em um processo que envolve vários comportamentos e pensamentos que podem ser não ser produtivos para os próprios relacionamentos.

Leia mais sobre emoções que são consideradas "ruins" aqui.

Abaixo, alguns comportamentos que as crianças que estão com ciúmes tem:

  • Atrair atenção;
  • Muitas vezes estar mal-humorada;
  • Não querer fazer atividades habituais;
  • Demonstrar grandes sinais de afeição pelo pai para fazer a mãe ciumenta ou vice-versa;
  • Querer ser abraçada e carregada ao colo;
  • Podem ter comportamentos ruins como bater, morder, beliscar ou gritar;
  • Ter comportamentos mais infantilizados (sucção do polegar, xixi na cama, pedir para usar fraldas ou beber pelo biberão);
  • Desobedecer a instruções;
  • Cometer erros de propósito;
  • Tentar bater ou morder a pessoas que está com ciúmes;
  • Podem ter alterações de humor, como: fazer birras, ficar agressivos, tristes ou frustrados.

A emoção do ciúmes aparece com a função de preservar relacionamentos. É uma emoção natural que todos temos. Por isso a melhor forma de agir com seu filho é compreender o que ele está sentindo e tentar conversar, nomear as emoções e acolher o que sentem.

Acolha a emoção

Acolher a emoção da criança, confortá-la dizendo que ele não será abandonado, ou colocado de lado, mas que agora ele vai aprender a dividir o espaço pode ser uma boa forma de ajudar a criança a pensar e entender o que ela sente. Dividir com ela que você também sente ciúmes é uma forma de mostrar que é um processo natural.

Aproveite também para estabelecer regras claras sobre o que não é aceitável como comportamento, ou seja, a criança pode sentir ciúmes, mas não é admissível agir de forma rude ou machucar os outros por causa dessa emoção.

Incentive-os a resolverem os seus conflitos, conversando e explicando em vez de competirem; Dê-lhes tarefas para fazerem juntos, que promovam a cooperação, ou peça ajuda pra vestir o irmão mais novo, por exemplo.

Dar suporte para a criança que sofre com ciúmes é o melhor presente que você pode oferecer nesse momento de desenvolvimento do pequeno.

O que você tem feito quando o seu filho sente ciúmes? Tente aplicar algumas dessas dicas quando acontecer novamente e conte para gente como foi! Pelo Facebook você pode acompanhar outras dicas para lidar com as emoções das crianças.

Nenhum comentário.

Deixe um comentário!

WordPress Image Lightbox Plugin